DICAS | 04 de jan Todos sabem que morar no exterior requer custos com estadia, passagens, documentação, etc e em tempos de crise muitas pessoas tem adiado sonho de fazer intercâmbio, o que não é preciso.

Intercâmbio Econômico: como fazer

Todos sabem que morar no exterior requer custos com estadia, passagens, documentação, etc e em tempos de crise muitas pessoas tem adiado sonho de fazer intercâmbio, o que não é preciso. Existem formas de economizar de acordo com seus objetivos e ir para aquele outro país seja com a finalidade de estudar ou se aprimorar na língua.

A primeira delas é fazer um planejamento e poupança antecipada. Eliminando gastos desnecessários se torna mais fácil ter o dinheiro para viajar. As passagens devem ser compradas fora da alta temporada, quando ficam mais baratas. Outra vantagem de não ir nesta época é que com a menor quantidade de alunos o processo de aprendizagem será maior.

Outra forma de economizar é ir para lugares menos buscados, por exemplo,ir para Nova York é mais caro do que ir para Michigan. Além disso, pelo fato de destinos populares terem um elevado número de turistas, a integração com a cultura local é menor, e não é isso que se deseja ao fazer um intercâmbio. Algumas modalidades de intercâmbio permitem também que o imigrante trabalhe e consiga se manter de maneira mais confortável onde estiver.

O que vale mesmo é pesquisar e se organizar , recorrer as agências especializadas se for necessário, conversar com quem já passou por esta experiência para que você também embarque nesta aventura.